Arquivo da categoria: Jesus

O tempo e a morte – Unidos até que a eternidade os separe!

standard-methods-to-determine-time-of-death-21288001

E o Senhor Deus ordenou ao homem: “Coma livremente de qualquer árvore do jardim,
mas não coma da árvore do conhecimento do bem e do mal, porque no dia em que dela comer, certamente você morrerá”.
Gênesis 2:16,17

O homem foi criado por Deus com o propósito de ser eterno. A morte não fazia parte dessa relação de Deus com seu novo filho, criado para o alegrar e serem amigos.

Porém, quando o jardim foi plantado haviam paradoxos no meio dele: Uma árvore que era fonte de vida eterna e que o faria viver para sempre com Deus e outra que daria ao homem a morte e o fim de tudo o que Deus preparara para seu filho Adão.

A história nós sabemos, que Adão, levado pela serpente escolheu o pecado.

Mas é ai onde eu queria chegar. Pois sabemos que a morte não é um estado, mas um demônio, no qual Jesus o venceu no ades. Então com a desobediência (pecado), o homem não só foi visitado por esse demônio, como entregou a terra que era dele, entregou seus dias e sua relação com Deus.

A morte é um estado de separação de Deus com o homem, e é ai que entra o tempo.

Deus não está preso ao chronos (tempo minuto a minuto), mas o Kairós. E o que é a eternidade? É a ausência do tempo! Por isso Jesus é mencionado em Apocalipse como o Alfa e Ômega, o principio e o fim, porque está fora do chronos, podendo ver o começo e o fim de tudo no mesmo relance de olhar.

Então entendemos que com a morte o tempo passou a ser contado, pois agora o homem estava nas garras de sua amante, e deveria se encontrar com ela em algum momento, e por isso o chronos passou a existir.

Nesse tempo os homens ainda chegavam aos 1000 anos, como é o caso de Matusalém, descendente de Adão.

Mas ai o homem não parou de flertar com a morte, e intimamente passou a viver um caso de amor com ela. O homem que Deus criou, agora era escravo do pecado que conhecera, e não fez outra coisa a não ser pecar.

Então disse o Senhor: “Por causa da perversidade do homem, meu Espírito não contenderá com ele para sempre; e ele só viverá cento e vinte anos”
Gênesis 6:3

Dai o chronos se achegou mais perto do homem, por ter aumentado a iniquidade. Então, quanto mais pecado, mais o demônio da morte é fortalecido?

Pois o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor. Romanos6:23

 Mas havia um plano, e então o Senhor Deus, enviou seu filho, aquele que não flertaria com a morte, não pecaria, e então poderia vencer a morte, pois se o salário do pecado é a morte, alguém que não pecou não pode morrer.

Então Jesus veio, viveu, sofreu as mesmas paixões que nós… mas não pecou!

Então triunfou sobre ela, recebendo um nome acima de todo nome, pois venceu a morte, e tomando dela o poderio, deu a quantos quis o poder da eternidade outra vez.

E quando enfim, deixarmos esse corpo de morte, deixaremos também o tempo, podendo viver para sempre, o Espírito que reina volta a ser o do Eterno e a comunhão eterna com Yahweh e seu Kairós voltam a ser nossos outra vez.

Essa é a vitória… não mais tempo… não mais morte… não mais separação!

Seja fiel até a morte, e eu lhe darei a coroa da vida.

Apocalipse 2:10

Paternidade do Reino

“Não estais estreitados em nós; mas estais estreitados nos vossos próprios afetos.
Ora, em recompensa disto, (falo como a filhos) dilatai-vos também vós.”
2 Coríntios 6:12,13

 

Assim como o apostolo Paulo chamava aqueles a quem o Senhor havia dado como discípulos, ele chamava de filhos, cremos na paternidade do reino e nos 5 ministérios. Explicarei a seguir.

E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores mestres, Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo.”                     
                                                          Efésios 4.11,12
Assim, cremos estar dividido o comissionamento da igreja, sendo que todo o corpo recebe dois chamados, um para ser enviado às nações e outro para manter os que foram. Cinco ministérios e dois comissionamentos.
Dentre todos, sabemos que Deus levantou pais para a igreja, Assim como Paulo Foi para as igrejas da Ásia e para seus filhos gerados em prisões, cadeias e açoites. E a diferença básica entre pastores e pais, entre ovelhas e filhos é a seguinte; para ovelha se dá pastagem, e para filhos se dá herança. Pais são pastores, mais não estão interessados na lã, nem na carne das ovelhas como fazem simples pastores, esses pastoreiam por interesse, por saber que dali sairá sua fonte de lucro, sua renda, seu ganha pão. Porém, aqueles que são pais, nada querem em troca, e amam porque foram amados, cuidam porque foram cuidados, curam para serem curados. Amor gerando amor.
Ovelha é aquela que conhece a voz do pastor quando a chamam para a pastagem, essas também somente estão ali por interesse em comida, querem saciar sua fome. Filhos não querem pasto, querem herança, buscam herdar o que seus pais espirituais tem. Andarão em seus passos, faram como fizeram, querem o que eles tem.
Esses filhos espirituais não vão permanecer para sempre em casa (IGREJA LOCAL), mas a congregação serve como maternidade, onde eles são gerados, cuidados, crescem e quando chegam a fase adulta receberão ajuda do pai espiritual para dar seus passos sozinhos. Pois todos nós temos um chamado, mas a grande maioria fica o resto da vida como ouvinte de sermões, pois é muito mais interessante mante-los ali dando seus dízimos e gerando recursos para que paredes sejam construídas. Esquecendo então dos 5 ministérios e dos dois chamados da igreja, ficamos vivendo como um clube.
A palavra igreja em grego:  εκκλησία em português: ecclesia que quer dizer CHAMADOS PARA FORA. Então quando estamos in door somos apenas um club, um ajuntamento eclesiástico. Mas é fora que cumprimos o papel que o Ruah Hakodesh (ESPIRITO SANTO) nos comissionou. Mas é out door que mostramos ao mundo nosso cristianismo.

Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade.
Mateus 7:22,23

 

Não é sentando em um banco de igreja que receberá o reconhecimento do Senhor e encontrará seu lugar no céu naquele grande dia, mas pelo contrário, muitos que assim fizeram se decepcionarão no último dia ao saber que suas obras de nada valeram. Não  viveram o verdadeiro chamado da igreja

.

Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber;
Sendo estrangeiro, não me recolhestes; estando nu, não me vestistes; e enfermo, e na prisão, não me visitastes.
Então eles também lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou estrangeiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos?
Então lhes responderá, dizendo: Em verdade vos digo que, quando a um destes pequeninos o não fizestes, não o fizestes a mim.
E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna.
Mateus 25:42-46

O justo é o que fez obras de justiça. Justiça social, cuidar do próximo. O Senhor Jesus resumiu toda a lei e os profetas em dois mandamentos: Amar ao Senhor sobre todas as coisas e ao teu próximo como a ti mesmo.
Não fomos chamados para estagnar, mas para avançar, cuidar dos injustiçados, manifestar o reino e a justiça do reino de Deus. Anunciar as boas novar e lançar a mão no arado sem olhar para trás.
A igreja de hoje é responsável por levar uma multidão de gente para o inferno, mudando a visão da verdade, fazendo os homens amarem a si mesmos e se esquecerem do propósito eterno. Gente de campanha em campanha, buscando viver aqui um conforto e prosperidade, se esquecendo de sua eternidade.
Os primeiros cristão foram chamados assim, quando eram perseguidos, muitos eram açoitados, outros decapitados e a grande maioria eram levados as arenas para serem mortos pelos leões. Porém, muitas vezes, os leões não os comiam, mas mansos, nada faziam, e mesmo quando chegavam a atacá-los, esses morriam com sorriso nos lábios, olhando para o céu, felizes pela oportunidade de sofrer por Cristo. Daí o povo dizia: esse morreu como o Cristo… daí o termo cristão.
Há uma necessidade de os filhos serem ensinados pelos pais sobre esse comissionamento, que não para no fracasso, no medo, porque tem um alvo a herança… morrer como seus pais espirituais, herdar sua intrepidez e coragem. Viverem por fé e esperarem apenas no porvir, e nada nesta vida.

Foram apedrejados e tentados; foram serrados ao meio; morreram ao fio da espada; andaram vestidos de peles de ovelhas e de cabras, necessitados, aflitos e maltratados
{dos quais o mundo não era digno}, errantes pelos desertos e montes, e pelas covas e cavernas da terra.
E todos estes, embora tendo recebido bom testemunho pela fé, contudo não alcançaram a promessa;
visto que Deus provera alguma coisa melhor a nosso respeito, para que eles, sem nós, não fossem aperfeiçoados.
Hebreus 11:37-40

Pais espirituais são aqueles que como um pai de sangue, coloca seu filho em uma bicicleta nova com duas rodinhas de apoio lateral, mas ao chegar dos dias ele tira uma das rodinhas, depois tira as duas, e lançando o filho… deixa ele se equilibrar só. Ou como um filhote de rolinha, que é chocado, depois que o ovo eclode são observados e aquecidos de baixo das asas do pássaro já adulto, depois as asas deixam suas plumas e criam penas, as pernas já firmes, os genitores levam para beira do ninho e deixam seus amados filhos voarem.

Temos que deixar nossos filhos voarem, esse é o propósito, essa é a razão de sermos chamados.

Que assim possamos ser pais e ser filhos, entendendo o propósito eterno e vivendo o reino até a consumação de tudo onde seremos aperfeiçoados.

 

Em Cristo e nos laços do calvário.

Sonho Profético

Lion of JudahSonho profético

Saudações em Cristo.

Essa noite eu tive um sonho horrendo, e como até o dia de hoje nenhum sonho foi em vão, mas antes vieram da parte do Senhor e aconteceram, vou relatar o ocorrido.

Eu estava com minha esposa Allana Pond em um tempo muito agradável. Éramos realmente felizes e tranqüilos, mas um comunicado que viera pelo correio perturbou essa paz.

O comunicado dizia que todas as mulheres deveriam se apresentar em um local, como se fosse um quartel, e não era facultativo, mas obrigatório.

Então, um ônibus da Aeronáutica passou em nossa rua e mulheres fardadas passavam nas casas tirando as mulheres à força. Quando Allana Pond foi tomada e levada a esse ônibus.

Imediatamente eu procurei o pastor Mauricio Benda Panisset pois havia sido oficial da FAB. Ele sem delongas tomou o telefone e tentou vários contatos do antigo quartel.

De repente uma fumaça desceu pelo telhado, e sabíamos que se tratava de algo mortal. Me escondi, e desmaiei após a inalação do gás. Quando abri os olhos, cri já estar no céu, mas aí da estava lá.

Fugi para os montes conforme a palavra ordenava, chorando muito sem saber o que havia acontecido com minha esposa. Sabia dos medos que ela tem e sabia que estava com medo naquela hora.

Então vi vários homens queimando bíblias para se esquentar. Eles comentavam que o governo proibira o uso por se tratar de um livro inútil.

Então, encontrei em um lugar onde haviam cristãos, e sentado isolado encontrei NaoreVivian de Almeida catando sementes para comer. Ao me ver chorando me encorajava lembrando de como os heróis bíblicos sofreram no passado.

Lembrei-me de que a palavra dizia para não olhar para trás e não voltar para buscar nada. Então seguia para os montes esperando que o Senhor viesse nos resgatar.

Chorando de saudades da minha esposa… Acordei banhado de lagrimas e soluços.

Creio que esse é o tempo do fim.

Maranata!!!

Louvor – Você não está fazendo isso certo!

praise

 

 

“Foge, também dos desejos da mocidade” (II Timóteo 2:22).

Antes de qualquer coisa, vamos explicar o que é louvor.

A seguir, vamos ver 7 palavras em hebraico que traduzem “louvor”:

1- YADAH 

Significa uma ação voluntária que expressa dependência absoluta em Deus, estendendo os braços e levantando as mãos, louvando ao Senhor (II Cr 20:19; Sl 63:4; 134:2; I Tm 2:8). Demonstração de gratidão e reconhecimento do Senhorio de quem é louvado.

2- TOWDAH (em hebraico se pronuncia TOVDA)

Significa levantar as mãos com ações de graças, apresentar sacrifícios de ações de graças, não somente por tudo o que já recebeu, mas também por aquilo que se espera receber. Fé em ação – Jr 33:11. Em português bem claro GRATIDÃO.

3- HALAL

Significa celebrar com palavras, falar entusiasmadamente de algo ou alguém (Sl 35:37; 98:1; 106:1). Esse louvor, designa ELOGIO a alguém.

4- SHABACH 

Significa expressão de júbilo e vitória. Expressões em alta voz, forte voz, gritos de júbilo (Sl 47:1). Como após a volta de uma guerra ou conquista de terras.

5- BARAK 

Significa bendizer ao Senhor, como um ato de adoração. Prostrado, ajoelhado na presença de Deus. (Sl 95:6; Ne 8:6). Contrição, renuncia, reconhecendo que você é pó e Ele é Deus.

6- ZAMAR 

Significa usar ritmos e música. Tocar com os dedos das mãos um instrumento musical. Tocar e cantar a música com força, vigor, entusiasmo e sentimento (Sl 33:3; 57:9; 105:2; 108:3; 150:1-6). Como fez Miriã na presença do Senhor.

7- TEHILLAH

Significa a forma mais exaltada de louvor ao Senhor. Os salmos como exemplo. A palavra original do Hebraico para Salmos é Tehillim.

 

Amados, muitas vezes me pego pensando como quantas vezes fiz e preguei coisas erradas a respeito da palavra, já adorei com cânticos que no fundo louvam a mim mesmo, já preguei sermões que eu jamais pregaria hoje, e por isso reconheço que já cantei as canções que hoje eu não ministraria mais.

Em 1997, eu estava em João Pessoa. E passava por tempos difíceis de minha vida. Como creio que você também faz, colocava louvores que me acalentassem o ego, escolhia aqueles que me diziam coisas mais bacanas e que eu queria ouvir. No fim eu ficava mais triste do que no início. Mais foi em um show gospel que entendi tudo. Era uma noite quente e estava ali com alguns irmãos em um ginásio de esporte para assistir a um show gospel. A banda hoje mudou de nome por uma divisão por conta do sucesso. Em meio as canções, água mineral era jogada em nós pelos integrantes da banda, enquanto diziam: Faz chover!

Eu confesso que estava bem mal, então fui pra casa e perguntei ao Senhor o porque de não me sentir bem. Alguns dias depois descortinou de minha mente a mais contundente realidade: Louvamos a nós mesmos!

Essas canções modernas em sua maioria louvam o próprio homem, ou temas que agradam ao público, como música secular. Eu tenho a marca da promessa… Hoje o meu milagre vai chegar, eu vou crer, não vou duvidá, o preço que foi pago lá na cruz me dá vitória nessa hora… Se tentaram matar os teus sonhos, sufocando o seu coração…

Louvor seria mais ou menos assim como nos Salmos: Tua Senh0r é a grandeza e o poder… Louvado seja Senhor TEU nome… Levantai ó portas as vossas cabeças, levantai-vos ó portais eternos para que entre o Rei da glória, quem é o Rei da glória? O Senhor dos exércitos  poderoso nas batalhas.

Porém esse tipo de música vende!

Posso fazer uma matemática que talvez faça você entender.

Veja o valor cobrado por show de alguns desses famosos:

Aline Barros R$100.000,00

Ludmila Feber R$80.000,00

Fernandinho R$65,000,00

Eu fui na Igreja Batista da Lagoinha e o carro mais simples que saiu da garagem dos pastores foi um Porshe Caiene.

Um dos músicos do Fernandinho pegou carona com um amigo nosso, e afirmou que fazem shows todos os dias da semana, todos pagos, exceto domingo pois retornam para suas igrejas. Mais usando a matemática por esse prisma, faça o seguinte calculo:

R$65.000,00 X 6 dias da semana =  R$390.000,00.

X 4 semanas do mês = R$1.560.000,00

x 12 Meses do ano = R$18.720.000,00.

Fora roupas da marca, CDs, DVDs e não contando o dinheiro que ganham cada vez que as rádios tocam canções deles.

É uma máquina de fazer dinheiro e eu e você somos a vítima.

Isso não é adoração à Deus, mais ao seu ego… o Deus adorado… é MAMOM.

 

Pr. Max Pond.

E alguns afirmam: Prepara-te, Ele está vindo!

NEw

Marcos 13:32-33
32 – Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos que estão no céu, nem o Filho, senão o Pai.
33 – Olhai, vigiai e orai; porque não sabeis quando chegará o tempo.

Mateus 24:36
36 – Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai.

  • Mateus 24.42: “Portanto, vigiai, porque não sabeis em que dia vem o vosso Senhor”

  • Mateus 24.44: “Por isso ficai também vós apercebidos; porque, à hora em que não cuidais, o Filho do Homem virá”.

  • Mateus 25.13: “Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora”. (Marcos 13.33-37 é uma passagem paralela.)

  • Atos 1.7: “Respondeu-lhes: Não vos compete conhecer tempos ou épocas que o Pai reservou pela sua exclusiva autoridade”.

Saudações em Cristo igreja do Senhor.

Quando o Senhor afirmou que nem os anjos do céu, que ministram de dia e de noite diante do Pai, e que nem mesmo Ele o filho sabiam o dia de sua volta, Ele queria dizer NINGUÉM mesmo. Satanás não sabe, os Anciãos não sabem, o bispo de sua igreja não sabe, seu pastor não sabe, os apóstolos não sabiam e ninguém jamais soube.

Sei que exatamente agora que o Senhor está glorificado junto ao Pai Ele sabe, mais enquanto estava em carne declarou não saber. Isso deixa claro que eu e você estamos na mesma condição de não o saber.

Quando eu era menino ouvi diversas vezes falar de pessoas que sabiam quando o Senhor voltaria. Várias datas foram dadas. Me lembro que na minha conversão no ano de 1994, um matemático foi até nossa igreja, pois impressionava a todos com sua numerologia bíblica. Ele somava e subtraia números, pegava datas e dividia por isso e por aquilo. Uma extensa apostila era vendida aos participantes para que entendessem seu raciocínio, e todos ficavam maravilhados, porém, a data marcada por ele chegou e ele simplesmente desapareceu.

Depois a Pastora, que virou bispa e agora é apostola Valníce Milhomes, também deixou centenas de seguidores de seu programa na TV e leitores de seus livros maravilhados com suas previsões mirabolantes da volta de Cristo. Entre tantas coisas absurdas que ensinou, ela disse que enfermidades eram sinônimo de pecado. Valnice desapareceu da mídia por adquirir um câncer e por sua datação sobre a volta do Senhor nunca ter acontecido.

Tenho procurado na internet e vejo loucos que espalharam Outdoors sobre a volta do Senhor em 2011. Carros foram adesivados, mídia foi colocada nas ruas e o panico foi instaurado.

Não pense que não creio na volta do meu Senhor, pelo contrário. Apenas temo esses promotores de auê. Gente que usa desse medo para atrair seguidores para si.

Conheço pessoas que fazem isso, assustando as pessoas, declarando que a saída do Papa é um sinal, e que Deus tinha mostrado para ele. Aterrorizam com intuito de trazer o foco para si e não para Cristo.

Temos que estar sempre prontos, pois aquele dia e hora… ninguém sabe. E como o próprio Senhor nos disse, Ele virá como um ladrão na noite, sem aviso, sem ser aguardado. Por isso devemos vigiar, ter nossos pecados confessados; se tivermos algo contra alguém, devemos nos reconciliar, porém jamais afirmar: olha, eu sei que Ele está vindo. Acautelai-vos povo de Deus.

Fiquem na paz do nosso amado Senhor,

Em Cristo e nos laços do calvário.

Pr. Max Pond

O Culto Moderno a Mamom.

O Culto Moderno a Mamom.

Adoração ao ego como forma de atrair pessoas.

“Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam;

 Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam.

Porque onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração.

A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo terá luz;

Se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão grandes serão tais trevas!

Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom.

Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário?

E, quanto ao vestuário, por que andais solícitos? Olhai para os lírios do campo, como eles crescem; não trabalham nem fiam;

E qual de vós poderá, com todos os seus cuidados, acrescentar um côvado à sua estatura?

Olhai para as aves do céu, que nem semeiam, nem segam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais valor do que elas?

Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal.

Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.

 (Porque todas estas coisas os gentios procuram). De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas;

Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos?

Pois, se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe, e amanhã é lançada no forno, não vos vestirá muito mais a vós, homens de pouca fé?

 E eu vos digo que nem mesmo Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles.”

Mateus 6:10-34

MAMOM: Palavra hebraica que significa ‘RIQUESA’, as quais podem se tornar um deus para as pessoas.

A promessa dita pelo Senhor foi “Todas ESTAS coisas vos serão acrescentadas”. Quando o Senhor disse isso, ele não estava ampliando o sentido para um significado universal, como qualquer coisa, todas as coisas existentes; mas antes, todas estas coisas ditas anteriormente, como comida, bebida ou vestimenta. Porém, nos dias de hoje somos atormentados por uma doutrina que a muitos tem atraído e a muitos engana, denominada “Teologia da prosperidade”, doutrina essa que já enganou a muitos, inclusive eu fui vitima dela no passado, trocando o criador pela criatura, colocando o homem em posição de destaque.

Esse engodo deformou nossa geração nos transformando em filhos pidões, que só se achegam ao Pai por aquilo que Ele pode dar. Isso começa dentro de uma sociedade consumista, exatamente dentro da família. O pai trabalha horas a fio, muitas vezes sem folga, sem limites de horários, pois quando mais produzir, mais recursos receberá por isso, assim, poderá comprar a casa que tanto sonha, o carro para o lazer com a família e o recurso para viagens e passeios. Então compra um presente para sua esposa e filhos, como prova do seu amor e esforço. Porém, isso substituiu o falar “eu te amo”.

Nos damos coisas, preferindo trabalhar a estar com os filhos. Dá mesma forma, nossos filhos entederão que trabalhando, ocupando os melhores lugares, recebendo os melhores salários, poderão dar melhores presentes a seus filhos, mostrando assim o seu afeto por aqueles pequenos estranhos que ele não conhece pelo tempo que passou longe deles.

Se somos herdeiros de um reino que não é daqui, não podemos amar as coisas daqui. Uma frase foi colocada na internet que diz o seguinte: “_Deus nos deu pessoas para serem amadas e as coisas para serem usadas. Mas nós usamos as pessoas e amamos as coisas.” Como poderemos ser herdeiros de um reino que é 100% espiritual? Como podemos amar um Deus que é espírito se nosso coração está nas coisas?

Lembra do Jovem rico? O que o impedia de entrar no reino dos céus? A sua riqueza. Alguns tentam minimizar os prejuízos dizendo que não é bem assim, pois agulha é uma pequena porta, e um camelo passaria com dificuldades, mais a minha bíblia diz em Mt 19:24, Mc 10:25 e Lc 18:25 que é mais fácil passar um camelo, o maior animal conhecido naquela região, do um rico entrar no reino de Deus, pois o coração de qualquer um que acumula bens e corre atrás deles pertence a MAMOM e não a Deus. Veja quantos programas de televisão, quantos apelos em cartazes e convites a cultos milagrosos de prosperidade, destinados a empresários e homens de negócios, campanhas, carnês e objetos “bentos” que se você colocar no seu local de trabalho, tudo irá mudar.

Coisas necessitam de devoção, de cuidados e são viciantes. Se você tiver um carro, mesmo que seja lindo, esteja lhe servindo bem, você sempre vai querer um mais novo, mais moderno, mais luxuoso. Se tiver uma casa própria, vai querer um quarto para cada filho, uma mais ampla, com piscina e assim sucessivamente, o que ocupará sua vida. Sem falar que desprenderá o pouco tempo que lhe sobra para se dedicar a elas, pois se tem um carro irá limpá-lo, se tem um vídeo game moderno irá jogar, e assim por diante.

A coisa mais cobiçada da terra é dinheiro, a palavra de Deus a chama de Mamom.

Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.”

 I Timóteo 6:10

O homem que possui bens e riquezas não pode viver sem, a prova disso são os inúmeros suicídios depois de uma falência ou demissão. São viciados e dependentes, são pobres miseráveis, presos a restaurantes, viagens e coisas, não conhecendo com isso a bondade e a misericórdia do nosso Deus que aos seus dá enquanto dormem (Sl 127:2).

A mesma coisa está acontecendo dentro das igrejas, pois perderam a característica original da pregação do evangelho, arrependimento, novo nascimento, para falar de sucesso pessoal, prometendo os melhores lugares, enricando assim o cofre das denominações e de alguns homens que lucram com isso. Existem até profissionais em arrecadação, homens que são chamados por alguns líderes, pois fazem chover, é só eles virem que a arrecadação triplica. Outro dia tive o desprazer de descobrir quanto recebem de cachê a maioria das bandas gospel no Brasil, o que gira em torno de R$30.000 a R$80.000,00 por apresentação. Faça os cálculos, um deles recebe R$65.000,00 por apresentação, e chegam a fazer mais de uma por dia as vezes, suas agendas são cheias, vendem DVDs, CDs, Livros, Camisetas e outra infinidade de produtos, firmam contratos com gravadoras das quais recebem quantias exorbitantes, mais faça os cálculos apenas por shows hipoteticamente levando em conta dois shows por semana, pois sabemos que a maioria fazem shows todos os dias, e crendo que pagam seus músicos e etc, em um mês esse cristão arrecadou em cima do nome de Cristo R$130.000 em uma semana, R$520.000,00 em um mês, imagine mais hipoteticamente ainda, que ele gasta metade com encargos e com a banda, mesmo assim são R$260.000,00 por mês e R$3.120.000,00 por ano. Será esse o reino de Deus? Serão esses os seus profetas?

“ Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo.”

Romanos 14:17

Jesus não nos prometeu bens, pelo contrário, aos judeus foi prometido um reino terreno, que se cumpriu em Davi, mais para a igreja foi prometido um reino eterno através da nova aliança, esse reino não é carnal e nem marterial, mais consiste em coisas que só pelo Espírito de Deus se discernem.

“Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.”

 I Corintios 2:14

Ricos nos tempos bíblicos eram aqueles que tinham o que comer, o que vestir e o que beber e um pouco mais, todo aquele que tinha mais do que precisava era rico, pois o dinheiro não era coisa tão comum e abundante como nos dias de hoje. Nunca fomos tão ricos e tão amantes do dinheiro. Por causa dele Jesus foi vendido por Judas, por causa dele muitos foram traídos, muitos apostataram da fé, filhos mataram pais, pais abandonaram seus filhos, cônjuges brigaram. Por causa do maldito metal os fóruns estão cheios e as cadeias também. Quando amamos a esse deus de metal, nos fazemos semelhantes a esses, assim como Judas. Quando não damos valor a ele, fazemos como Maria, e despejamos o balsamo caro, em um frasco caro de alabastro, pois essas coisas perdem o valor quando estamos aos pés daquele a quem amamos e que é a nossa riquesa.

Quando lemos o texto de Apocalipse 3:20 vemos:

“Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo.”

É comum dizermos que o texto fala a um desviado ou alguém que deixou os caminhos do Senhor, mais se você prestar atenção ao título, lerá: “Carta à igreja de Laudicéia”, alguns teólogos acreditam que as 7 cartas às igrejas da Ásia que estão no livro de Apocalipse estão falando sobre sete eras que a igreja viveria, se assim for, essa é a penúltima, a era da apostasia, a igreja que está rica e abastada, que não precisa de nada, mais não sabe que é pobre, cega e nua.

Eu vejo a igreja desses dias bem rica, podendo comprar emissoras de TV, rádios, prédios, estão cheias de cortinas, aparelhos condicionadores de ar, carros, pastores bem pagos e missionários cada dia mais raros, pois quando vão passam necessidades extremas, pois a igreja precisava pintar paredes, comprar cadeiras novas, enquanto o verdadeiro evangelho, o evangelho da salvação deixa de ser pregado.

Somos ricos e de nariz empinado, vamos a frente dar testemunhos e exibir nossas chaves, enquanto nosso próximo morre aqui ao lado.

Veja alguns dados fornecidos pela ONU (Organização das Nações Unidas):

1.500.000.000 Pessoas em todo o mundo vivem com menos de R$2,50 por dia.

1.700.000.000 Pessoas em todo o mundo vivem com menos de R$5,00 por dia.

2.600.000 não tem saneamento básico (água limpa e tratada)

5.000.000 morrem todos os anos em decorrência de doenças causadas por água não tratada, dessas a maioria são crianças.

800.000.000 de pessoas dormem com fome todos os dias.

Dessas 300.000.000 a grande maioria são crianças com menos de cinco anos.

A cada minuto uma mulher morre de parto.

1.400 mulheres morrem de parto por dia.

523.000 mulheres morrem de parto por ano.

114.000.000 crianças não tem ensino básico.

584.000.000 mulheres não sabem ler nem escrever.

Crianças tem 40% a mais de chance de sobreviver quando a mãe tem pelo menos 5 anos de estudo básico.

Bilhões de pessoas no mundo inteiro não tem um segundo par de calçado ou uma segunda camiseta.]

Hoje a estimativa da população mundial é de 7.000.000.000 indivíduos, só para termos a noção da dimenção desses números.

Permita que esses digam se somos ou não igreja, se somos ou não cristão de verdade ou se carregamos ou não a bandeira de Cristo sobre a terra.

 “Porque tive fome, e destes-me de comer; tive sede, e destes-me de beber; era estrangeiro, e hospedastes-me;

Estava nu, e vestistes-me; adoeci, e visitastes-me; estive na prisão, e fostes ver-me.

Então os justos lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, e te demos de comer? ou com sede, e te demos de beber?

E quando te vimos estrangeiro, e te hospedamos? ou nu, e te vestimos?

E quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos ver-te?

E, respondendo o Rei, lhes dirá: Em verdade vos digo que quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes.

Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos;

Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber;

Sendo estrangeiro, não me recolhestes; estando nu, não me vestistes; e enfermo, e na prisão, não me visitastes.

Então eles também lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou estrangeiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos?

Então lhes responderá, dizendo: Em verdade vos digo que, quando a um destes pequeninos o não fizestes, não o fizestes a mim.

E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna.

Mateus 25:35-46

Esse é o culto a Mamom e seu templo são os shopping, as vitrines das lojas, as marinas, os aeroportos, os falsos cultos cristãos onde o ego e não Deus é adorado, onde homens são bajulados para que não caia a arrecadação.

Eu atuo na área de recuperação de viciados. Quando vemos um homem desses “melhorando de vida” nos padrões humanos, confesso que até me entristeço, pois quando ele tiver casa, famílias, bens, a chance dele continuar humilde e com Jesus é pouca. Nos tornamos auto-suficientes quando temos o mínimo controle de nossas vidas. Pode parecer uma grande loucura o que estou a dizer, mais na prática, até na fé, quando qualquer homem sobe um degrau que seja, já se acha mais santo mais digno. Se você vai ministrar em uma igreja e Deus te usa mais do que o comum, o pastor já se enciúma e você passa a ser “persona nom grata” imediatamente.

Homens desejam coisas. Querem poder, precisam de status e é exatamente isso que nos faz diferentes da imagem e semelhança com que Deus nos projetou, é por isso que não ouvimos mais sua voz ou sentimos sua presença.

Somos diferentes de um Deus que é espírito. Somos terrenos demais, carne demais e espírito de menos.

Voltemos a praticar a ETERNIDADE, sejamos eternos, pratiquemos o evangelho.

Que minha vida CANTE a Deus.

Evangelho Chocolate

heresia
Quando o evangelho se torna doce demais!

 

“Quando eu não consigo viver de acordo com o que a palavra exige, eu abaixo o padrão,

essa é a natureza do novo cristão.”

 

“Não cuideis que vim trazer a paz à terra; não vim trazer paz, mas espada;”

(Mateus 10 : 34)

 

O titulo não deveria assustar tanto. Jesus chamou homens e mulheres a segui-lo, e a esses homens deu a missão de frutificar e permanecer Nele. E a esses prometeu-lhes uma cruz.

 

“E qualquer que não levar a sua cruz, e não vier após mim, não pode ser meu discípulo.”

(Lucas 14 : 27)

 

Quando seu discipulos foram para Jerusalem, sabiam que estavam correndo risco de vida, pois os lideres religiosos queriam prender a Jesus. Roma estava de olho nesse lider, mais se tocasse Nele, o povo poderia criar uma revolução. Percebe? Ser cristão era enfrentar uma nação, era viver tenso, fazendo inimizade com todos, rebelados.

Quantos homens e mulheres de Deus foram enforcados por amor à Ele? Cruscificados, torturados… hoje não é diferente. Quando o homem se converte e vive em santidade, começa a provar a perseguição dentro da sua própria casa, entre os antigos amigos, que logo o testam, chamando para orgias, bebedices para ver se a nova caracteristica é permanente.

É difícil permanecer, pois o inimigo de tua alma é um ser milenar, e não dorme a miçhares de anos. Ele sabe como te pegar, e conhece teus pontos fracos, e dominando a muitos.

O evangelho não é prá qualquer um, não é negociavel, é uma batalha! É uma tranformação de dentro para fora, algo que muda a mente, fazendo que o ritmo seja o de Deus, e os pensamentos seja Dele. Temos que suportar o gladio e permanecer!

Ai então minhas orações passam a ser respondidas, e passamos a ter o poder de ganhar almas,e perdemos o medo de tudo, e topamos qualquer situação.

Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós.” (Tiago 4 : 7)

Ai então o maligno vai te respeitar e se afastar de você, pois sabe que você é forte e ninguém vai te resistir.

Ai transformam o poder de Deus em coisas vãs. Gastando cultos fazendo campanhas para comprar carros, casas e coisas materiais onde o nome Dele não é glorificado e que não dá fruto.

As igreja e denominações passaram a pregar essas faculidades para conquistar pessoas. Mudando o sermão da cruz por um que TODOS querem ouvir. Lideres discutem se o povo vai receber bem a mensagem ou não. Ovelha dizendo para o pastor que tipo de capim deve ser servido a elas?

É o poste fazendo xixí no cachorro, a banana comendo o macaco. Tudo trocado para agradar as inumeras vaidades.

Amar ao mendigo, gastar os dias o dinheiro da igreja em missões, empenhar os esforços do corpo para ganhar almas genuinas, buscar recursos para cuidar do orfam e da viúva. Ir à cracolandia, bocas de fumo, prostibulos. Mas ai as pessoas reclamam sobre o TIPO de pessoas que chegam à igreja, e eles não querem sentar perto delas, e o pastor muda sua extratégia e começa a fazer cultos para empresários, campanhas de facilidades, passando a pregar o EVANGELHO CHOCOLATE.

O teólogo de Alexandria; Orígenes, foi o primeiro a relatar que Pedro foi crucificado de cabeça para baixo, a pedido do próprio, antevendo maior sofrimento, dizendo: “Não sou digno de ser crucificado como o meu Senhor!” cumprindo a profecia de Jesus (João 21:18)

O rei Herodes “fez Tiago passar a fio de espada” – aparentemente uma referência à decapitação. (Atos 12:2).

Mateus sofreu martírio na Etiópia, morto por um ferimento causado por uma espada. João esteve à beira do martírio, quando ele foi cozido em um recipiente enorme de óleo durante uma onda de perseguição em Roma. No entanto, ele foi milagrosamente livrado da morte. João foi sentenciado às minas na ilha de Patmos. Ele escreveu o livro profético do Apocalipse em Patmos. O apóstolo João foi mais tarde posto em liberdade e retornou para o lugar onde hoje fica a Turquia. Ele morreu velho, sendo o único apóstolo a morrer em paz.

Tiago, o irmão de Jesus (não oficialmente um apóstolo), o líder da igreja em Jerusalém, foi atirado de mais de 30 metros de altura do alto do pináculo sudeste do Templo ao se recusar a negar sua fé em Cristo. Quando eles descobriram que ele havia sobrevivido à queda, seus inimigos o espancaram até a morte com um porrete. Este foi o mesmo pináculo para onde Satanás levou a Jesus durante a tentação.

Bartolomeu, também conhecido como Natanael, foi um missionário para a Ásia. Ele testemunhou onde hoje é a Turquia e foi martirizado pela sua pregação na Armênia, quando ele foi chicoteado até a morte. André morreu em uma cruz em forma de x na Grécia. Após ter sido chicoteado severamente por sete soldados, estes ataram o seu corpo à cruz com cordas para prolongar a sua agonia. Seus seguidores reportaram que, quando ele foi levado em direção à cruz, André a saudou com as seguintes palavras: “Muito desejei e esperei por esta hora. A cruz foi consagrada pelo corpo de Cristo pendurado nela”. Ele continuou a pregar para os seus torturadores por dois dias até que ele morreu. O apóstolo Tomé foi atingido por uma lança na Índia durante uma de suas viagens missionárias para estabelecer a igreja lá. Matias, o apóstolo escolhido para substituir o traidor Judas Iscariotes, foi apedrejado e depois decapitado. O apóstolo Paulo foi torturado e depois decapitado pelo maligno imperador Nero em Roma em 67 d.C. Há tradições referentes aos outros apóstolos também, mas nenhuma com apoio histórico ou tradicional confiável.

Não é tão importante saber como os apóstolos morreram. O que importa é o fato de que todos eles estavam dispostos a morrer pela sua fé. Se Jesus não tivesse sido ressuscitado, os discípulos o saberiam. Ninguém morreria por alguma coisa que se sabe ser uma mentira. O fato de que todos os apóstolos estavam dispostos a morrer horrivelmente, recusando-se a negar a sua fé em Cristo é uma tremenda evidência de que eles verdadeiramente testemunharam a ressurreição de Jesus Cristo.

Agora achamos que somos cristãos verdadeiros, e pregamos um evangelho de facilidades. E esse evangelho de falsidade terá um alto preço a ser cobrado de nós. Pois criamos crentes melindrosos, cheios de não me toque, que não suportam a luta e caem. Por isso os crentes não se firma, flertam com a igreja, amam os inos, mas não há mudança de vida, e por isso não dão testemunho e se quando são questionados quanto a sua fé, mentem. Não vivem o evangelho, por isso mesmo não dão frutos. Não tem raizes, e por assim serem, derrubam a muitos que olham para suas vidas e os confundem com verdadeiros cristãos.

Ai vem a pior parte, pois esses crentes recebem oração de libertação, e quando caem, os demônios que ali haviam voltam com sete piores do que eles.

“Então vai, e leva consigo outros sete espíritos piores do que ele e, entrando, habitam ali; e são os últimos atos desse homem piores do que os primeiros. Assim acontecerá também a esta geração má.”

(Mateus 12 : 45)

“Então vai, e leva consigo outros sete espíritos piores do que ele e, entrando, habitam ali; e o último estado desse homem é pior do que o primeiro.”

(Lucas 11 : 26)

 

Você não foi chamado para morrer no caminho. Você não foi chamado para secar entre os espinhos, e para isso precisa receber uma dose mais fortge do evangelho de cruz, e como ramo enxertado em Cristo, receber do alto a gasolina do verdadeiro crente A PRESENÇA DO ESPIRITO. E sua vida vai glorificar o nome Dele, suas atitudes, seu testemunho.

Porém o que temos hoje são milhares de templos, um do lado do outro. Homens engravatados, com envelopes nas mãos. Porém, como pastor, e como alguém que a 17 anos desce ao mais baixo submundo para glorificar o nome do Senhor com algumas almas, não tenho sentido a presença do ESPIRITO SANTO  do pai nesas igrejas. Aliás, me assuto, quando em minha intinerancia pergunto a algum crente nesse Brasil a fora se conhecem a presença de Deus, se tiverma uma experiência genuina, apenas uma, a resposta é uma pergunta: “Como é isso?”

Assim, a igreja vem morrendo!

Falsos lideres aliançados com o maligno, lotam templos com falsas promessas de prosperidade. E quando elas não chegam, pois não foi por isso que Cristo morreu naquela cruz, esses desanimam e morrem espiritualmente, tornando quase impossível resgatá-los outra vez.

Showmans como Morris Cerulo, Silas Malafaia, Marcos Feliciano, entre outros, cobram fortunas para pregar a palavra. Cantores cristãos pedem cachês fortunicos, mesmo sabendo que receberam de graça o dom de Deus. Igrejas constroem fachadas maçônicas em suas igrejas e recebem propina das mesma. Existe uma dessas que está construindo um templo que custará em média R$350 MILHÕES, enquanto missionários passam fome no campo, enfrentando governos ditadores como o da China, india entre outros. Será esse o evangelho que Jesus pregou?

Não se deixe iludir, pois o salário do evangelho é o Reino de Deus entre nós, e ele não está!

A presença da glória se foi, voltemos ao evangelho para atrair a glória a nós outra vez!

Muitos dizem que os dias estão passando muito rápido, e realmente está! Deus está abreviando os dias para que os santos suportem esses dias.

“E, se aqueles dias não fossem abreviados, nenhuma carne se salvaria; mas por causa dos escolhidos serão abreviados aqueles dias.”

(Mateus 24 : 22)

Se assim não for, será dificil permanecer vivo!

Voltemos então ao evangelho de verdade!

Amemos ao Mestre como fizeram os primeiros cristãos, dispostos a morrer por amor a Ele, e não apenas de palavras. Que não sejamos apenas um povo que canta, mais que nossa vida cante a ele.

Hosana, oh vem Senhor Jesus!!!

Pr. Max Pond

Texto laranja extraido do site: http://www.gotquestions.org/portugues/morte-apostolos.html